Por Que Devemos Definir Metas

É comum ouvir as pessoas dizerem que têm algum tipo de meta de futuro ou que tal realização é sua meta do ano ou do semestre. Mas será que você está definindo suas metas de forma adequada? Para responder a isto primeiro precisamos entender por que devemos definir metas.

Quando bem definidas, as metas são um instrumento muito efetivo para promover mudanças. Por isso, geram melhores resultados do que “fazer o seu melhor”. Afinal, elas dão um caráter desafiador e estimulam uma ação mais criativa e focada em resultados. Elas também servem como parâmetros orientadores dos padrões de desempenho e resultados desejados. Assim, reduzem a ambiguidade das avaliações/autoavaliações, concretizando um futuro desejado em parâmetros mensuráveis e verificáveis.

Por isso mesmo, elas dão conta de dois grandes obstáculos aos quais todos os empresários, gestores e profissionais em geral estão suscetíveis: a acomodação ou a angústia causada pela inquietação.

metas objetivos
Photo by Isaac Smith on Unsplash

O caráter desafiador estimula que se saia da zona de conforto. Afinal, todos nós temos uma tendência a adiar. E mesmo os mais disciplinados, em algum momento, caem nesta armadilha. A luta contra os impulsos e distrações é diária e depende de muita motivação. Metas bem formuladas provocam exatamente este efeito motivador.

Já o caráter de parâmetro concreto acalma a inquietação e dá uma perspectiva de que se está no caminho certo. Algumas pessoas podem até argumentar que a inquietação faz parte da mentalidade empreendedora. Isto é verdade. Mas a inquietação não pode se transformar em angústia. A inquietação deve vir do desafio e não da falta de parâmetros, gerando um sentimento de que sempre se deveria ter feito mais. No médio prazo isso é extremamente desgastante física e mentalmente. O que, por consequência, comprometerá os seus resultados. Metas ajudam a preservar a energia física e mental, desde que definidas adequadamente.

Por fim, metas servem a um propósito maior, uma visão de futuro. Afinal, uma boa estratégia é uma série de decisões coerentes no tempo. E as metas nos ajudam a manter o rumo em direção a este futuro desejado, sem perder de vista o que precisamos conquistar e fazer.

Você tem metas definidas para este semestre? Será que estão bem definidas? Trataremos de como fazer uma boa definição de metas no próximo artigo!

 

Confira mais artigos sobre metas e produtividade aqui:

Tags: | | | | |

Receba conteúdos exclusivos!

Cadastre-se para receber conteúdos sobre gestão, estratégia, finanças e pessoas.

Ao clicar no botão abaixo, eu concordo em receber os boletins informativos da Delta Consulting de acordo com a Política de Privacidade.

Sobre o Autor

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *